sábado, 24 de setembro de 2011

A UNESP abre suas portas para a Semana da Ciência

Desde 2004 o Ministério de Ciência e Tecnologia (MC&T) realiza a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT). É um evento extremamente importante onde por sete dias tudo o que se relaciona com ciência, tecnologia, e inovação (CT&I) é exposto para a comunidade. Mas não se trata apenas de uma exposição, e sim de um espaço reservado à cultura científica.

Como consta no próprio site do MC&T “A finalidade principal da SNCT é mobilizar a população, em especial crianças e jovens, em torno de temas e atividades de ciência e tecnologia (C&T), valorizando a criatividade, a atitude científica e a inovação. Pretende mostrar também a importância da C&T para a vida de cada um e para o desenvolvimento do país.”

Ela possibilita, ainda, que a população brasileira conheça e discuta os resultados, a relevância e o impacto das pesquisas científicas e tecnológicas e suas aplicações.

Este ano já estamos na oitava semana. Ela será realizada de 17 a 23 de outubro e terá como tema principal “Mudanças climáticas, desastres naturais e prevenção de riscos”. Claro que embora seja esse o tema principal, todas as formas de divulgação científica sobre os mais diversos assuntos têm lugar na SNCT.

Desde 2004, o número de pessoas, universidades e municípios envolvidos na SNCT tem aumentado ano a ano. Em 2009, último ano onde encontramos dados finais já computados, foram realizadas cerca de 25.000 atividades em quase 500 municípios do Brasil. Desde megalópoles como São Paulo e Rio a cidades pequenas como Salto e Cerquilho aqui no Estado de São Paulo, e ainda menores em estados do Norte e Nordeste, têm se esforçado para transformar essa semana num evento não apenas de educação e conscientização científica, mas também num projeto turístico com o concomitante aumento da atividade econômica.

Infelizmente, como já comentamos em colunas anteriores, nos últimos dois anos fracassamos na tentativa de criar uma parceria entre a UNESP e a Prefeitura Municipal que permitisse que o evento saísse dos muros da universidade e invadisse praças, teatros, escolas, e contagiasse as outras universidades e todas aquelas empresas, indústrias e instituições locais que fazem da ciência e da tecnologia sua ferramenta cotidiana. A prometida contrapartida financeira do poder público municipal acabou não se concretizando, o que em anos anteriores nos levou à decisão de cancelar as atividades previstas para Araçatuba.

Entretanto, mesmo passando pela mesma situação agora, a UNESP decidiu fazer sua parte e abrir as portas para que por dois dias, aproximadamente 2.400 crianças e jovens de Araçatuba e região tenham a oportunidade de vivenciar o fascínio de se sentirem cientistas por um dia.

Entre outras atividades, nossos ilustres visitantes terão oportunidade de mergulhar e entender com olhos de pesquisador por que os ossos fraturam mas podem ser reparados, como as drogas agem no cérebro, o que acontece dentro desses tais de cromossomos e como alterações de DNA podem provocar doenças como a síndrome de Down e a hemofilia.

Tentarão desvendar a relação entre os morcegos e uma doença terrível, a raiva e se debruçarão também sobre a saúde do cão para entender as causas e consequências da Leishmaniose. Verão mediante um teatro de fantoches o que acontece quando perdemos um dente e participarão dos desafios que os cientistas enfrentam no processo de produção de alimentos.

Finalmente, terão a oportunidade de admirar estrelas e planetas de galáxias distantes numa exposição preparada pela CENARA - Centro de Astronomia da Região de Araçatuba.

Ao decidir abrir as portas á comunidade, nossa universidade não apenas cumpre sua obrigação de difundir a cultura da ciência. Nossa esperança é que este esforço motive outros setores da nossa sociedade para que no ano que vem tenhamos uma ampla participação de todos aqueles que lidam com C&T, e contemos com um apoio real e efetivo do Governo Municipal, digno do esforço necessário para oferecer educação científica de qualidade para os jovens munícipes.

É sempre bom lembrar que ciência não é algo que exista apenas nos laboratórios e sim uma ferramenta indispensável que a população tem que utilizar se não quiser ficar para trás no caminho do conhecimento, da inovação e do desenvolvimento sustentável.



Informações sobre o Evento:
Semana de Ciência e Tecnologia de Araçatuba
Data: 18 e 19 de outubro de 2011
Locais: Campus da Faculdade de Odontologia de Araçatuba (UNESP, Rodovia Marechal Rondon), e Faculdade de Medicina Veterinária (UNESP, Rua Clóvis Pestana, 793).
Horários: das 8:00 às 12:00 e das 14:00 às 18:00. Observação astronômica no campus da FOA à partir da 18:00
Público: alunos do ensino fundamental e médio de Araçatuba e região (rede pública e particular). A participação das escolas é feita mediante agendamento pelo e-mail agendamento@semanact.com.br

As vagas são limitadas.
Todas as informações podem ser obtidas no site do evento: http://semanact.com.br/

Um comentário:

  1. A Semana C&T também está presente nas redes sociais:

    Facebook:
    http://www.facebook.com/pages/Semana-Nacional-de-Ci%C3%AAncia-e-Tecnologia-em-Ara%C3%A7atuba-SP/188666757866924

    Twitter:
    www.twitter.com/snctaracatuba

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget